21.10.13

8 meses dos bebés e os 8 meses do Manel

Pois é, completámos mais um mensário. 8 meses em grande estilo, cheios de felicidades e com 3 dentes!






Senta, gatinha e tenta ficar em pé


Agora que tem 8 meses, é possível que já se sente sem apoio e comece a gatinhar. Se colocar o seu filho perto de um sofá, ele provavelmente vai-se agarrar a ele com todas as suas forças para levantar. 


Essa mobilidade toda traduz-se em muitos tropeções e quedas, sendo essa uma parte inevitável da infância e, embora fique sempre com o coração na boca, tente aproveitar esta etapa em que a criança inicia as suas explorações.


Lembre-se que assim permite que ele cresça e aprenda por conta própria. Agora, é fundamental que sua casa seja um ambiente seguro para crianças. Entre outras coisas, certifique-se que objectos frágeis estejam posicionados em segurança (para que não caiam) e que móveis menos firmes fiquem em locais em que o bebé transita pouco. Retire qualquer objeto pequeno que se possa enfiar no nariz, no ouvido ou na boca. 


Uso das mãos


Começa a a procurar objectos no chão e usar o dedo para apontá-los. Ele também já consegue usar os dedos para pegar um pedaço de comida e segurá-la com a mãozinha fechada. O Manel segura no pão perfeitamente.


Grande parte dos bebés passa agora a explorar as variáveis de um objecto, chocalhando, batendo e deixar cair no chão, atirando para longe, antes de voltar ao bom e velho método de colocar qualquer coisa na boca. 


Neste estágio, as crianças gostam de ver coisas as coisas a cair, sendo apanhadas (por nós, claro) e depoisdeixam cair no chão novamente. Ele não está só a tentar provocar, por mais que pareça. Simplesmente acha esse espetáculo sensacional e vai querer vê-lo muitas e muitas vezes. 


Mais emotivo


A partir de agora, as emoções ficam mais evidentes. Já faz algumas graças e bate muitas palminhas.


Nos próximos meses,  vai aprender a avaliar e imitar seu estado de humor. Ao ver alguém a chorar, é possível que chore também. 


Longe dos pais


Nesta idade, a maioria dos bebés já mostra sinais de ansiedade de separação. Pode ficar mais tímido perto e desconhecidos, especialmente quando estiver cansado ou irritado. Nos momentos em que não estiver por perto, ele demonstra aborrecimento. 


Mesmo que seja desagradável, lembre-se que essa separação é importante. Ajuda no desenvolvimento da confiança do bebé e na formação de elos emocionais dele com outras pessoas. 


Quando sair, beije e abrace o seu filho e diga-lhe que vai voltar. Caso ele fique assustado ou comece a chorar, não tenha dúvidas em reconfortá-lo e assegurar que  volta mesmo. 


Alguns bebés lidam melhor com separações do que outros, dependendo do temperamento. Cada criança é diferente, e cada uma precisa de determinada quantidade de atenção. 

Conhece o seu filho melhor do que ninguém, portanto siga os seus instintos e não se sinta culpada por dar mais atenção se achar necessário. 

Visão mais clara


A sua visão agora é praticamente igual à de um adulto em clareza e percepção de profundidade. Embora consiga ver melhor de perto do que ao longe,  vê o suficiente para reconhecer pessoas e objetos do outro lado da sala. 

Cada bebé é diferente e atinge certos marcos de desenvolvimento físico no seu próprio ritmo. Isto são apenas referências e não evem ficar afitas se o vosso bebé não fizer ainda alguma as coisas - O Manel, por exemplo, ainda não gatinha.


Até já,

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...